Dia 1, quarta, Conversas Bravias – O significado da ditadura com Irene Pimentel

À semelhança da iniciativa em Santiago do Chile – em que professores universitários e historiadores deram uma aula aberta a lembrar a ditadura chilena e as implicações da mesma na História contemporânea e das mentalidades do país -, convidámos a historiadora Irene Pimentel para trazer mais esclarecimento sobre a nossa ditadura de 48 anos, tempo mais que suficiente para impregnar-se na nossa “estranha forma de vida”. Polícia política prisões, conservadorismo, igreja, bom povo português, guerra colonial e fascismos, vamos olhar para esse passado para pensar o presente.
às 22h

Anúncios

2 comentários

  1. Eis um governo profundamente conservador em quase tidas as matéria de índole económica, social, política e de costumes. Não sendo o governo claramente de ideologia fascista, a verdade que as suas políticas naquelas áreas referidas nos leva a recuar a esses tristes tempos….
    Todos devemos lutar contra este retrocesso…

  2. Estou plenamente de acordo de que devía-mos ensinar aos jovens e talvez aos respetivos papás o que foi a ditadura, talvez desse para que pensassem um pouco das liberdades conquistadas à custa de muito sangue e revolya. Estou consigo.


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s